19 de junho de 2008

Obsoletismos

Há coisas que já não têm lugar no nosso tempo, na nossa cidade e nas nossas vidas. Há muito que esta ideia de aniquilar o que está em desuso me ocupa e hoje partilho apenas algumas das conclusões a que cheguei.
1º Há que distinguir o obsoleto puro do vintage: o primeiro é tudo o que por mais que puxemos pela cabeça não tem mesmo nenhuma razão para existir, o segundo não tem razão para existir mas é giro e está associado a um ideário de nostalgia que nos remete para dias felizes. Obsoleto é old fashion e dated; vintage é trendy e cool.
(EX: Uma camisa com enchumaços, branca com botões dourados, dos anos 80, é obsoleta, um blusão branco às riscas coloridas da Grundig, é vintage; Uma passagem de nível sem guarda é obsoleta, um cruzamento é vintage, num país que se "rotundizou" de norte a sul)
Hoje apresento apenas uma pequena lista das coisas que deixaram de fazer sentido:
1º As sirenes dos bombeiros a assinalarem o meio-dia: a malta tem relógios, telemóveis, Ipods, e outros artefactos, não necessita de ser assustada com um apito estridente que apenas nos informa que o "bom dia" cedeu o lugar ao "boa tarde"!
2º O Festival da Eurovisão e as Misses (nem é preciso explicar, certo?)
3º Alarmes para os carros (Só promovem ruído numa época em que o que está mesmo a dar é o carjacking)
4º A expressão "Deves ser filho do padeiro, ou do leiteiro". A expressão pode continuar a ser usada mas actualizada: "Deves ser filho do homem do sapo, do meo,da clix, da TvCabo..."

4 comentários:

Se Faz Favor disse...

Ah, ah, ah!...lindo...
A camisa com enchumaços é do melhor, lembro-me tão bem! Eu até tinha um kit "Enchumaços" de por e tirar para toda a roupa. Estamos mesmo velhas...

Ouriço disse...

então os nossos bombeiros são insuportáveis........

O Pai disse...

Queres que te diga de quem são filhos, os Senhores e as Senhoras do MEO ? ? ?

Mak, o Mau disse...

Ou então, o mais trendy e internacional "Deves ser filho dos Helderes"

É quase tão bom como "Só não fui teu pai, porque não quis aderir à banda larga".