29 de abril de 2008

A Vida nas Ilhas...

4 dias passados nas ilhas e constato o seguinte:
Os irlandeses só não são britânicos por mera birra religiosa. Importam tudo o que podem da ilha vizinha ou do país mais acima e o sector editorial vive da produção made in UK, a preço convertido em Euros.
Em termos televisivos a Amy Winehouse estava a ir mto bem, com mais uma detenção, até terem descoberto um casal irlandês perfeito, namorados de infância, com um casalinho de filhos: Alegadamente este plácido pai de família, provavelmente por estar deprimido, resolveu matar a mulher, pegar fogo à casa com os filhos lá dentro e suicidar-se de seguida... Achei que havia primeiras capas de tablóides para uma semana, mas não... Vem um senhor de 70 anos austríaco e estraga tudo: O dito encarcerou a filha na cave de sua casa, durante 24 anos e neste interregno de quase um quarto de século, a filha, hoje com 42 anos, teve 7 filhos/netos do senhor!
Conclusões lógicas disto tudo (regadas por algumas pints de Guinness):
1. Há qualquer coisa de Hitler e Anne Frank nisto tudo...
2. Se calhar o outro Guinness devia atribuir uma entrada a este senhor, já que ele bateu o outro austríaco raptor, por muitos anos!

3 comentários:

Mak, o Mau disse...

Já viste se o Hitler em vez de campos de concentração tivesse construído caves? Se calhar a história tinha sido outra...

Cuga disse...

Lá bunker tinha ele... Deve ser daí que vem a tradição das extremidades: a Anne F. para o sotão, o Hitler para o subsolo, o sr austríaco esconde uma mulher e 3crianças ameaçando gaseá-los... (Se~´a que não havia facas, nem objectos cortantes? Afinal a Sra teve 24 anos para esboçar um plano...) Anos a culparmos os nazis alemães e os austríacos a safarem-se como se nada fosse com eles...

Se Faz Favor disse...

A Áustria tem de recomeçar a pensar num novo conceito para o turismo em vez do ski...